9.6.11

O sentimentalismo político e o Ativismo pelego.

Foto: Jb

Sobre Cesar Battisti
“Não nos surpreendemos, o Cesare era e continuou sendo mais um pequeno  delinquente do que um extremista político” 
                                                                                                Pietro Mutti, fundador do Pac



Battisti teve sua primeira prisão aos 17 anos por furto, aos 20 foi preso por mão armada,na cadeia se converte aos idealismos marxistas revolucionários e, logo após se integra na extrema PAC  (Proletari Armati per il Comunismo), elevando assim, o cargo de bandido para terrorista.

Em 1979 na Itália, foi preso sob a acusação de terrorismo que lhe rendeu uma pena de 12 anos, mas em 1981, Pietro Mutti através do bando Pac , consegue retira-lo da prisão, ele se refugia no México, indo logo após para a França Socialista, buscando proteção nas asas de François Mitterrand , pois este não negava acolhimento aos extremos esquerdistas italianos.

Na França Battisti tem sua fase mais curiosa, torna- se um escritor de talento, bem aceito e conceituado artista. Escreve o Livro: Les Habits d’Ombre", um suspense político que narra os crimes que ele nega ter cometido.  O personagem "Claudio Rapone", na história segue os  passos de seu criador e, chega até mesmo a assassinar uma agente carcerário,( crime que  Battist, é acusado).  Especula-se que com esta atitude, o terrorista debochava da classe burguesa pensante , a mesma que o protegia.

Assim permaneceu até 2002 , quando os tribunais franceses ordenariam sua extradição. Fugindo então para o Brasil . Daí pra cá, todo mundo já sabe: Lula negou sua extradição ao governo Italiano no seu último dia de mandato e, agora por decisão do STF o "ativista" está em liberdade  .  

Leia um trecho da entrevista de Pietro Mutti :  

"eu o vi com meus olhos matar naquela manhã em Udine (era o 6 de junho de 1978). Battisti e Enrica Migliorati (uma estudante de 20 anos de idade, membro do PAC) estavam abraçados como dois namorados na frente da casa de Santoro. Quando o marechal saiu, Battisti disparou por trás dele (três tiros, dois a queima roupa na cabeça, com um revólver Glisenti calibre 10.20). Eu e outro amigo, Cláudio Lavazza, operário como eu, observamos tudo do carro onde nós os esperávamos. "

O mais encantador no caso Battisti é como a mídea e 'certos brasileiros' , se comportam e orgulham em revelar que o ''Ativista'' está sobre a proteção política do Brasil, (teve até piquete para sua libertação).  Na França ao menos, ele se revelou um escritor romancista com grandes dotes literários, (apesar das gafes autobiográficas) que encantou uma classe pensante, uma cultura que considera os artistas, seres dotado de qualidades intelectuais superiores... mas e aqui? onde o artista é considerado por muitos, sinônimo de superficialidade, qual foi a qualidade que proporcionou a este terrorista acusado de quatro assassinatos, tamanha adoração?

A de fugitivo, da "esquerda"(PMDB-PT),  é claro. 


Cesare Battisti, 56 anni, tra alcuni deputati brasiliani suoi sostenitori in visita al carcere di Papuda
foto: blog.panorama.it
                                                     
                                                            

6 comentários:

Anônimo disse...

Este vídeo é pra você "Jotinha":

http://youtu.be/P8tfuBIutLI

Jb disse...

"Anonimozinho"

Obrigado! mas se o problema das pessoas fosse querer salvar o mundo...
Tenho muita coisa pra te mostra tb, porém que pena...não acho interessante perder tempo com quem não tem coragem , nem ao menos de se apresentar.
Deixa eu te contar uma coisa, quando vem comentário 'anonimo', pronto! já se sabe, lá vem uma bobagem tão grande, que nem o próprio autor dela assume. O que diria eu, não é mesmo?

Thiago José. disse...

Quer dizer então que você acha que ele deveria cumprir a pena de prisão perpétua na Itália?

Vale lembrar que a descrição do "companheiro" dele do PAC é totalmente comprometida, já que a única prova dos crimes que ele tem é a delação premiada desses mesmo que o acusaram.

Assita o vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=ALaRB5OaUlk

Só para lembrar, na sua fotinho, tem o Chico Alencar e o Ivan Valente ( PSOL ) além da esquerda do PT... e aí, de que esquerda você?

Coletivo KRISIS disse...

[tio.taz] Gostei muito desse artigo. Uma porrada!

parabéns pelo artigo. Ainda tenho minhas questões internas sobre a questão do Cézare, pero...

Jb disse...

Thiago,

"Dai a César ,o que é de César"

Competente defesa do advogado de Battisti, mas na mídea italiana, (coisa que não se encontra na mídea brasileira) há informações que ele foi "deletado" por muitos da 'esquerda' e julgado por vários juízes. Agora pensa bem, se fosse perseguição política da Itália, a cabeça de Mutti, não seria um troféu muito mais valioso? Battisti, não é Olga Benário.

Não sei o que é correto, torturar e anistiar "arrependidos politicos" ou mandar fuzilar como acontece em tantas "ditaduras vermelhas".

Será que ainda vive, Javier Pérez Becerra, entregue imediatamente por Cháves ao governo Colombiano, sem ao menos dar lhe direito de defesa?

"Esquerda" Thiago?
Deparando com seus anseios, acesso a informação e reflexão crítica, ainda não quiseste enxergar, quem sou eu, para abrir-lhe os olhos?

Jb disse...

Krisis,

Sendo bem sincera, depois que a Farc divulgou um comunicado afirmando que a eleição de Dilma "centuplicou nossa esperança na possibilidade de alcançar a paz pela via do diálogo e da justiça social" a minha unica dúvida reside em :
O que teria dito Osopo, ao povo de Delphos?